Centro e Cordón

Plaza Cagancha

São os bairros que vão da Praça Independencia ao Obelisco, tendo a Avenida 18 de Julio como via principal.

Durante a semana estão muito ocupados devido ao facto de aí terem lugar várias actividades comerciais, culturais e administrativas.

Avenida 18 de Julio

É a principal avenida da cidade. Em seu entorno concentra-se grande parte da atividade econômico-administrativa e comercial de Montevidéu, onde se podem comprar produtos tanto em grandes lojas nacionais e internacionais quanto em feiras artesanais.

Para os amantes da arquitetura, é um passeio que concentra magníficas expressões da Art Déco e da Art Nouveau.

Praça Cagancha Localizada

Na Avenida 18 de Julio, entre a Avenida General Rondeau e a Passagem dos Direitos Humanos, deve seu nome a uma batalha travada em 1835 entre os exércitos de Gral. Rivera e o Governo de Buenos Aires.

Popularmente chamada de Plaza de la Libertad, em homenagem ao monumento central, Coluna da Paz, feito pelo escultor italiano José Livi, em 1867. Foi o primeiro monumento público da cidade.

Também surge como a praça principal da Cidade Nova, apesar de ter sofrido diversas transformações ao longo de sua história, continua sendo o coração geográfico de Montevidéu e marca o km. 0 do sistema rodoviário do país.

Numerosos atos, celebrações, protestos e manifestações de direitos humanos são realizados lá.

Praça dos 33 Orientales

Localizada na Av. 18 de Julio entre Magallanes e Minas, leva o nome dos libertadores que protagonizaram a Aterrissagem dos Trinta e Três Orientais. Também conhecida como Plaza de los Bomberos por estar localizada em frente ao Corpo de Bombeiros Centenário.

Na praça está o monumento equestre ao Brig. Gral. Juan Antonio Lavalleja, chefe da Cruzada Libertadora, feita pelo escultor Máximo Lamela, assim como o monumento que comemora o encontro entre Einstein e Vaz Ferreira em 1925 em Montevidéu e um permanente passeio de compras e artesanato.

Parque Líber Seregni

Parque urbano localizado no recanto Martin C. Martinez de Eduardo Victor Haedo, com o qual o General Líber Seregni, soldado e político uruguaio do século 20, é homenageado.

Inaugurado em 2009, este parque é dividido em três setores: uma área de praça com cachoeira e lagoa, outro setor com espécies de flora exóticas e nativas e, por fim, um parque e setor de recreação com pista de skate e jogos para crianças, quadra de basquete, etc. Tem serviço de guarda-parques.

Este parque possui Espaços Comunitários Saudáveis ​​e equipamentos de ginástica ao ar livre.

Mercado de imigrantes

Está localizado no centro de Montevidéu, na rua San José, na esquina da renta, onde ficava o Centro Cultural Mercado de la Abundancia, declarado Monumento Histórico Nacional em 1976.

É um local com história que se renova mas mantém a sua essência. Reestruturado, possui novas propostas culturais e mais de 20 espaços gastronômicos, alguns com preparações típicas de outras regiões do mundo como Japão, Caribe ou Oriente Médio e outros seguem receitas locais e preparam refeições de cabras ou panelas. Há também cervejas artesanais, drinks e vinhos, além de cafés para saborear pela manhã ou à tarde.

Em frente à praça de alimentação existe um palco onde se apresentam músicos e bailarinos e no piso térreo existe um pequeno teatro.

Feira Tristán Narvaja

É a maior e mais concorrida feira de Montevidéu, acontece nas manhãs de domingo na Rua Tristán Narvaja, e é um dos passeios típicos da cidade. A oferta de artigos é tão ampla e rica quanto extravagante. Você encontra livros, CDs, discos de massas, antiguidades, enfeites, peças de reposição, jogos, móveis, animais de estimação, frutas e verduras, entre outros itens.

 

Centro y Cordón Centro y Cordón Centro y Cordón Centro y Cordón

-34.89748, -56.164398